Instituto Olga Kos promove oficinas para pessoas com Síndrome de Down

//Instituto Olga Kos promove oficinas para pessoas com Síndrome de Down

 

Com o objetivo de ajudar no processo educacional de pessoas com Síndrome de Down, por meio das artes plásticas e dos esportes, o Instituto Olga Kos de Inclusão Cultural (IOK) promove projetos gratuitos.

Na primeira iniciativa, os alunos aprendem a fazer desenhos e pinturas usando formas geométricas e combinando diversas cores.  O curso será ministrado por uma equipe multifuncional de artes composta por pedagogos, instrutores de arte e psicólogos e acompanhadas por fotógrafos.

O projeto começou este ano e irá até janeiro de 2020. As oficinas acontecem em cinco espaços espalhados pela cidade de São Paulo, entre eles escolas municipais e um CEU.

Já em relação ao esporte, o Instituto Olga Kos está oferecendo aulas de karatê e taekwondo. A iniciativa visa atender, ao longo de 2019, 60 jovens entre os 7 e 17 anos, com ou sem deficiência intelectual, que vivem em situação de vulnerabilidade social. As aulas contarão com a ajuda de equipe multidisciplinar de fisioterapeutas, psicólogos e educadores físicos.

O karatê ocorrerá no CEU Vila Curuçá (Rua Marechal Tito, 3452, Itaim Paulista) e no CEU Quinta do Sol (Rua Luis Imparato, 546, Parque Císper). Já o taekwondo, será no CEU Parque Veredas (Rua Daniel Muller, 347, Itaim Paulista). As inscrições devem ser feitas nos locais.

Para mais informações, ligue para (11) 3081-9300.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Observatorio3Setor

2019-05-27T11:02:24+00:00